Indústrias que inovaram na pandemia tiveram produtividade e lucro, afirma CNT

04/11/2021

Uma pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI), através do Instituto FSB Pesquisa, mostrou que 88% das indústrias entrevistadas conseguiram inovar nos anos de 2020 e 2021. Como resultado, essas empresas observaram, de alguma forma, um aumento de produtividade, competitividade e melhor resultado financeiro.

A inovação nesses anos foi consequência da pandemia de COVID-19 e, segundo a CNI, foi uma forma de driblar a crise econômica. Tanto que, das 500 indústrias de grande e médio porte ouvidas, 80% registraram ganhos de produtividade, competitividade e lucro. Já 5% responderam que tiveram dois desses itens e 2%, apenas um desses ganhos. 

Embora exista um entusiasmo da indústrias em inovar, existe diversos desafios: 51% afirmaram não ter um setor específico de inovação, 63% disseram não ter orçamento reservado para isso e 65% não contam com profissionais capacitados para projetos inovadores. 

Por sinal, a inovação na indústria é o próximo tema do encontro promovido pela Moove. O encontro digital acontece dia 11 de novembro, às 17h, e contará com especialistas de diversas áreas e grandes empresas para compartilhar suas experiências sobre transformação digital. 

Não fique de fora do evento “Desafios da inovação”. Acompanhe o evento no LinkedIn: https://bit.ly/3blC05C

Para ler mais detalhes da pesquisa da CNI, acesse o site Agência de Notícias da Indústria: https://bit.ly/3mnTlBf.

0 Comentários
Escrever Comentário

Veja também

21253 Deloitte aponta como é possível digitalizar a indústria de construção Saiba Mais
21247 Receita de MPEs da indústria crescem, mas matéria-prima ainda é um desafio Saiba Mais
21246 Moove Solutions fomenta inovação aberta ao buscar startups Saiba Mais