Como melhorar a segurança na manutenção de turbinas eólicas

O Bureau de Estatísticas do Trabalho dos EUA (BLS), uma subdivisão do Departamento do Trabalho dos EUA, recentemente anunciou que os empregadores industriais privados comunicaram mais de 3 milhões de acidentes de trabalho em 2014, com as interação homem máquina entre as principais causas de acidentes. Além disso, no Censo de Ferimentos Ocupacionais de 2013 do BLS, aproximadamente um terço dos acidentes fatais no local de trabalho resultaram de incidentes envolvendo quedas, escorregões, tropeções e contato com objetos e equipamentos.

Você pode pensar que tais riscos são inerentes à manutenção mecânica, mas eles pode ser ainda maiores em operações que, por natureza, atuam em condições extremas, tais como turbinas eólicas.

A manutenção de uma turbina eólica é especialmente desafiadora, considerando a espaço apertado e grande altura das caixas de câmbio. Desta forma, o que os operadores podem fazer para reduzir os riscos de segurança associados à manutenção de turbinas eólicas?

Há duas alterações principais que os operadores podem implementar para reduzir a ocorrência de interações homem máquina na manutenção de turbinas eólicas:

  • Converter sua operação para um lubrificante de caixa de câmbio de turbina sintético de alto desempenho
  • Implementar um programa de análise de óleo de caixa de câmbio como rotina

Escolhendo o óleo certo
Óleos para caixa de câmbio sintéticos de alto desempenho podem ajudar a proteger os componentes da caixa de câmbio de desgaste e reduzir a necessidade de interação homem máquina. Não faz muito tempo que óleos de caixas de câmbio de turbinas eólicas tinham vida útil de somente 18 meses. Atualmente, os óleos para caixas de câmbio avançados duram de 5 a 7 anos em serviço contínuo, e o desempenho continua a melhorar.

Monitoramento da condição do óleo
Além de escolher o óleo correto, implementar um programa de análise de óleo é essencial para garantir o sucesso das operações a longo prazo e reduzir a ocorrência de procedimentos de manutenção. Através de uma abordagem de manutenção proativa e amostragem regular do óleo da caixa de câmbio, os operadores podem identificar questões de confiabilidade da turbina e degradação do lubrificante antes que causem falhas críticas dos equipamentos, ajudando a melhorar a segurança devido à redução das interações entre a equipe de manutenção e o equipamento.

Além disso, a utilização de serviços com abordagem forense da manutenção pode estender a vida dos componentes dentro da turbina. Por exemplo, operadores sofrendo com redução da vida útil esperada de rolamentos nas turinas podem consultar especialistas e implementar um programa de manutenção para abordar as necessidades específicas e questões de confiabilidade.

Como isso pode ajudar a melhorar a segurança? Bem, a maximização da produtividade e melhoria da segurança estão de mãos dadas. Ao melhorar a confiabilidade do equipamento e estender a vida útil dos componentes, os operadores de turbinas eólicas podem reduzir a frequência de atividades de manutenção que representam os maiores riscos de segurança para a equipe.

Encontre um distribuidor Entre em contato com especialistas Envie para um colega